Arquivo mensal: outubro 2009

reflexão para o mês

Padrão

tem uma cena em MILK, de Gus van Sant, em que o personagem-título, na noite de seu aniversário de 40 anos, suspira e se lamenta: “40 anos e não fiz nada de me que me orgulhe”. achei a melhor cena.

o que acontece quando a gente se dá conta de que é preciso, sim, se orgulhar, de que não basta somente viver?

Anúncios