síndrome de Stendhal

Padrão

Contam que o escritor francês Stendhal sentiu, lá pelo século passado, uma espécie de alumbramento que se dilatou da alma para o corpo, causando-lhe falta de ar, aceleracão do ritmo cardíaco e (parece) até mesmo alucinações. Depois seu nome batizou a própria síndrome, cientificamente catalogada. Tudo por conta da beleza excessiva de Florença (parece que acontece o tempo todo por lá).

Há, realmente, momentos de rara beleza – artística ou tão prosaica como alguém absorto, tocando violão sem perceber platéia – que dão vontade de morrer. Porque morrer é encapsular uma existência, não é verdade? Dá vontade de morrer a fim de que o momento jamais passe, a beleza jamais morra, jamais se perceba, e jamais se entenda. Uma igreja, um museu, uma floresta gelada, um almoço de família, um abraço. Instantes que contêm uma vida inteira.

Acho que nunca alucinei, mas experimento frequentemente essa espécie de arrebatamento que me desconecta da razão e me liga ao fio pulsante da vida em estado puro. Puro como respirar. Puro como nascer. Como se nesses instantes eu pudesse agarrar o sentido de ser, a beleza de todas as coisas, bonitas e feias, e me afogasse em um oceano imensamente maior que tudo aquilo que conheço. Mas tudo dura não mais que alguns minutos. Uma vez durou algumas horas. Mas passa, sempre passa. A beleza sempre passa, talvez pra nos deixar gratos.

Quem sabe Stendhal tenha ficado doente porque percebeu que é impossivel guardar tanta beleza numa única existência. É preciso ser muitos pra viver e agarrar tanto. É preciso ser artista.

Anúncios

»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s